A luta da Escola Família Agrícola avança no norte de minas. Agricultores cobram as promessas do poder público.


Publicado há 8 anos, 2 meses

Por Priscila Souza de Carvalho

Comunicadora Popular ASA/ Cáritas Regional

Esta primeira semana do mês de julho foi marcada por várias negociações e promessas em torno da luta dos agricultores familiares pelo direito a uma educação que ensine aos jovens o valor e possibilidades da vida no campo.

O primeiro passo foi a eleição do presidente estadual da Associação Mineira das EFAS, José Antônio Magalhães, agente Cáritas conhecido por seu engajamento na criação da EFA de Tabocal em São Francisco. Ele tomou como desafio a sensibilização do poder público para com a responsabilidade de cumprir com o direito de uma educação contextualizada que forme profissionais e que construa o projeto de desenvolvimento sustentável do homem no campo, buscando fixar o jovem nas comunidades rurais junto as suas famílias.

Depois a promessa do Prefeito e vice prefeita de Pintópolis, respectivamente Domingos e Dione que durante o Encontro Territorial sobre políticas públicas se comprometeram a buscar a liberação do recurso que foi aprovado através de convênio na câmara municipal de Pintópolis e passado mais de cinco anos não chegou às mãos da Associação Escola Família Agrícola da Região do Vale do São Francisco (AEFARV). A documentação que prova o convênio firmado foi entregue publicamente por Nilva, coordenadora da EFA Tabocal, ao secretário municipal da educação, José Lourenço. É importante agora aguardar o parecer da prefeitura sobre a liberação do recurso.

E na sexta feira do dia 8, através da participação de agentes Cáritas durante o audiência pública da educação de Januária foi aprovada apoio orçamentário, administrativo e pedagógico ao convênio que já foi aprovada a mais de um ano e até hoje não recebeu o repasse financeiro a Associação Escola Família Agrícola da Região do Vale do São Francisco (AEFARV). Foi aprovada também medida orçamentária para capacitação continuada para os profissionais da educação com o foco de implementação da educação contextualizada para o semiárido.

Busca no blog

POSTAGENS POR DATA