CÁRITAS DIOCESANA DE ARAÇUAÍ SE PREPARA PARA O IV FÓRUM DA MULHER


Publicado há 7 anos


Por Giovana Prates e Diêgo Alves


No dia 09 de abril a Cáritas Diocesana de Araçuaí juntamente com outras organizações  governamentais e da Sociedade Civil esteve reunida no STR de Araçuaí, com Maria Alice Braga representante da Faculdade de Artes de Ouro Preto (FAOP) e da Pro-reitoria de Extensão da Universidade Federal de Minas Gerais – Proex-UFMG, no intuito de fazer algumas discussões e ajustes  para a realização do IV Fórum da Mulher que acontecerá nos dias 15 e 16 de Maio na cidade de Araçuaí.
O objetivo do IV Fórum é aprofundar as discussões levantadas nas edições anteriores, principalmente na questão da Violência contra as Mulheres. Maria Alice ainda espera que a partir deste debate possa ser lançada uma Campanha onde haja, também, a participação de homens na luta contra essa violência.

Foi encaminhado que cada organização identificará lideranças femininas com um trabalho positivo de valorização da Mulher para participar de forma ativa no IV Fórum e um próximo momento entre essas entidades para amarrações finais do mesmo. Para Maria Alice, a expectativa é que a participação feminina em Araçuaí ultrapasse o número de 400 participantes. “Essa maior adesão vai legitimar ainda mais o Fórum uma vez que a participação nos anteriores vem crescendo cada vez mais”, diz.
Os temas Migração e Mulheres na Política também serão abordados no IV Fórum da Mulher.


Numa breve memória da história do Fórum, Maria Alice diz que o Fórum da Mulher teve um crescimento que a Proex-UFMG não esperava. Segundo ela, esse crescimento legitimou o Fórum num grande encontro de mulheres do Vale, onde elas vêm mostrando sua força, sua coragem, suas lutas, suas aflições e seus desejos. Para Maria Alice que há mais de dez anos atua no Vale, a solidariedade, o pensamento de conjunto, de coletividade, a força de trabalho, de vida e a alegria das Mulheres do Vale, são o diferencial em relação às outras regiões de Minas Gerais. “A Mulher do Vale dança, canta, tem fé, acredita, tem uma força e esperança que encanta todo mundo”, conclui.
Há mais de uma década a Cáritas Diocesana de Araçuaí tem a “causa da Mulher” como pauta em suas atividades. Incentivar a participação das mulheres nos espaços, garantindo as relações igualitárias de gênero, e dar visibilidade ao trabalho da mulher tem sido algo que é debatido dia-a-dia em nossos contextos.

Por isso é muito importante receber o IV Fórum da Mulher no espaço da Cáritas, isso dá Força ao nosso trabalho, e nos ajuda a afinar essas construções de coletividade.

Busca no blog

POSTAGENS POR DATA