EnconASA é lançado para imprensa do Norte de Minas


Publicado há 8 anos, 3 meses

Lançamento do VIII EnconASA reuniu jornalistas de veículos impressos locais e regionais, TVs e portais do Norte de Minas | Foto: Ripper
O lançamento do VIII EnconASA para a imprensa mineira aconteceu embalado pelo som dos cantores Bruno e Fabiana, que embalaram o ambiente descontraído ao som dos tambores e de músicas regionais da melhor qualidade. O evento, realizado no Solar dos Sertões, em Montes Claros, contou com jornalistas de veículos impressos locais e regionais, TVs e portais.

Também marcaram presença artistas, pesquisadores, professores, representantes de organizações que compõem a Articulação no Semi-Árido Mineiro (ASA Minas) e representantes da Rede de Comunicadores Populares do Semiárido Mineiro. O lançamento compõe a estratégia de comunicação do EnconASA, que ressaltará às riquezas e desafios do Semiárido brasileiro.


Leninha Alves, do Centro de Agricultura Alternativa do Norte de Minas (CAA-NM) e da coordenação executiva da ASA deu as boas vindas aos participantes reiterando a importância do EnconASA enquanto um espaço de troca de experiências entre os agricultores e agricultoras. “Esse encontro está sendo preparado nos territórios de convivência com o Semiárido há muito tempo e pela primeira vez acontecerá fora do Nordeste”, destacou.    


Em sua fala, Valquíria Lima, da Cáritas Regional Minas Gerais e da coordenação executiva da ASA, aproveitou a oportunidade para contagiar a todos com o espírito do encontro. Ela detalhou a programação, reforçou o momento político que vive a ASA e o debate que a articulação fará com o poder público, onde explicitará suas propostas para a superação da pobreza e construção da cidadania no Semiárido brasileiro.  


Na oportunidade o jornalista Luiz Ribeiro, do Jornal Estado de Minas, agradeceu aos agricultores pelo trabalho de preservação dos rios. Ele foi vencedor de um concurso internacional com uma matéria intitulada Rios de Minas, onde abordou a histórica luta dos agricultores familiares pela preservação do Rio Riachão.   


Para Helen Santa Rosa, jornalista do CAA-NM e integrante da Rede de Comunicadores Populares do Semiárido Mineiro, esta é uma oportunidade de fortalecer o diálogo com os profissionais da comunicação e divulgar as alternativas que os sertanejos construíram de convivência com a região.  

Busca no blog

POSTAGENS POR DATA