Experiências do Semiárido: A família de Jakeline Cardoso na produção de alimentos agrecologicos

Neste período de Pandemia, no Semiárido Mineiro, a família agricultora, Jackeline Cardoso, moradores da comunidade Rio dos Cocos, município de Porteirinha MG, estão produzindo alimentos agroecológicos e gerando qualidade de vida.


Neste período de Pandemia, no Semiárido Mineiro, a família agricultora, Jackeline Cardoso, moradores da comunidade Rio dos Cocos, município de Porteirinha MG, estão produzindo alimentos agroecológicos e gerando qualidade de vida.


Publicado há 2 meses, 3 semanas

Neste período de Pandemia, no Semiárido Mineiro, a família agricultora, Jackeline Cardoso, seu companheiro Antônio Matias e a filha Mery Dheyne, moradores da comunidade Rio dos Cocos, município de Porteirinha MG, estão produzindo alimentos agroecológicos e gerando qualidade de vida.

Beneficiados em 2018 pelo Programa Uma Terra e Duas Águas - P1+2, o casal recebeu a cisterna calçadão, tecnologia para captação de água da chuva e reservatório com capacidade para 52 mil litros, que beneficia na produção de alimentos, plantas e criação de pequenos animais, potencializando os quintais produtivos. O P1+2 foi uma transformação na vida da família que puderam diversificar os alimentos. Hoje eles têm uma produção no quintal, onde plantam: quiabo, maxixe, milho, feijão, coco, urucum, abóbora e mamão e logo vão começar a produzir hortaliças.

Jackeline conta que esse ano, por causa das chuvas no Norte de Minas, foi bem produtiva a colheita "Não podemos parar, temos que produzir nossos alimentos de forma agroecológico e sustentável, pensando no nosso bem e do nosso planeta, pois a agricultura familiar é a melhor forma de cuidarmos bem de nós, da nossa família e do próximo, portanto vamos produzir, trabalhar e cuidar da nossa terra".


Postado por: Comunicação ASA Minas

Busca no blog

POSTAGENS POR DATA