Geraizeiros comemoram 2 anos da RDS Nascentes Geraizeiras com Romaria e muita Folia

A Reserva de Desenvolvimento Sustentável Nascentes Geraizeiras é resultado de muita luta dos povos geraizeiros. A RDS é o resultado do esforço, dedicação e teimosia dos povos em defender o cerrado e os seus modos de vida. Conheça um pouco dessa história, com a celebração de dois anos de criação da RDS Nascentes Geraizeiras.


A Reserva de Desenvolvimento Sustentável Nascentes Geraizeiras é resultado de muita luta dos povos geraizeiros. A RDS é o resultado do esforço, dedicação e teimosia dos povos em defender o cerrado e os seus modos de vida. Conheça um pouco dessa história, com a celebração de dois anos de criação da RDS Nascentes Geraizeiras.


Publicado há 2 anos

Após mais de 10 anos de luta, Geraizeiros do Alto Rio Pardo comemoram o aniversário de 2 anos da RDS Nascentes Geraizeiras. Esta UC protege as áreas de nascentes e de uso coletivo de aproximadamente 25 comunidades geraizeiras no Norte de Minas abrangendo os municípios de Montezuma, Vargem Grande e Rio Pardo de Minas.

As comemorações iniciaram no dia 04 de outubro, com a VI Romaria Rumo ao Areião. A primeira romaria ocorreu antes mesmo da criação da RDS e surgiu como momento de fé na luta para criação da UC. Agora, depois de anos de penitência para criação da Unidade de Conservação, a romaria continua como forma de agradecimento e de continuidade das mobilizações para a implementação da RDS. Com a participação das comunidades beneficiárias da RDS, a romaria teve em sua programação um café da manhã geraizeiro com biscoito de jatobá, café de rapadura e suco de maracujá do mato, a peregrinação até o Areião, local onde será construído um santuário, Folia de Reis, almoço geraizeiro com arroz com pequi e paçoca de carne e missa na igreja da comunidade Água Boa II.

No dia 08 de outubro foi realizada uma Confraternização Geraizeira, que se iniciou no Piquizeirão, local também sagrado para os geraizeiros que se reuniram na sua sombra durante as mobilizações para a criação da RDS. Considerado o maior de todos os piquizeiros, ele sempre foi uma fortaleza na luta do Movimento Geraizeiro. Após os pronunciamentos no Piquizeirão, todos desceram para a Associação Trabalhando Juntos da comunidade Roça do Mato onde houve cinema e muita Folia de Reis.

Os geraizeiros almejam construir uma Unidade de Conservação onde eles sejam os protagonistas e sujeitos na gestão da RDS e a criação desta unidade sirva como referência para a criação de outras no Norte de Minas como a RDS Tamanduá, que aguarda há muitos anos o seu decreto de criação para garantir a proteção de outros territórios e modos de vida geraizeiros. Nos encontros sempre reafirmam: "Movimento Geraizeiro, guardiões do Cerrado!" e "O Gerais é pra quem nele mora, não pra quem o explora!".


Postado por: Fabiano Cordeiro César

Busca no blog

POSTAGENS POR DATA