PROGRAMA DE GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS É FORTALECIDO


Publicado há 9 anos, 11 meses

Por Fabiana Eugênio,
Comunicadora do CAV

Através de uma parceria com o CeVI da Itália, os trabalhos do CAV na área de recursos hídricos irão se fortalecer e chegar a mais localidades nesse ano. Serão atendidas comunidades rurais dos municípios de Veredinha (MG) e Chapada do Norte (MG), as quais irão ser contempladas pela execução de processos de mobilização, formação, construção de barraginhas, bacias de contenção, cercamento de nascentes e cisternas de placas.

Nos últimos anos o trabalho do CAV na gestão de recursos hídricos, principalmente no tocante a água para produção, esteve de forma mais concentrada nas comunidades de Gameleira, Monte Alegre e Macaúbas, todas em Veredinha. Através desse novo apoio, a entidade vai levar esse benefício a novas comunidades, que ao longo dos últimos anos têm solicitado junto ao CAV a replicação dessas tecnologias. Tal contexto se justifica pelo fato da região ter uma realidade marcada pela necessidade de intervenções como estas devido à existência de um déficit hídrico bastante grande, sobretudo de água para produção.

Em se tratando especificamente do processo de construção das cisternas de placas para captação de água da chuva, essa tecnologia visa disponibilizar água para consumo humano. Este projeto viabilizará a construção de 100 unidades conforme distribuição e localização ainda a ser definida. A política de implementação das cisternas será a mesma adotada pelos programas da Articulação no Semiárido - ASA, os quais o CAV faz a gestão a nível microrregional.

Além das tecnologias sociais as famílias beneficiadas serão contempladas com processos de mobilização, cursos e orientações técnicas nas propriedades sobre gestão dos recursos hídricos e produção agroecológica.

Como sempre ocorre nos trabalhos empreendidos pelo CAV, os métodos de atuação se darão com amplo envolvimento das comunidades beneficiadas. Em todas as etapas os agricultores irão acompanhar e/ou executar conjuntamente cada ação, além de serem estimulados a uma maior organização comunitária e aos trabalhos em mutirão.

O CeVI, que está propiciando esse apoio, é uma organização italiana que mantém parceria desde 1994 com o CAV, ano em que o Centro de Agricultura foi fundado. Através do CeVI outros projetos de grande importância já foram implementados na região, principalmente nas áreas de fortalecimento cultural e biodiversidade, com destaque para a agroecologia e gestão dos recursos hídricos, processos os quais surtiram resultados satisfatórios para agricultores (as) do Alto Jequitinhonha.
Fonte: www.cavjequi.org

Busca no blog

POSTAGENS POR DATA